22 maio 2012

Reversões - 2) Vasectomia



 O procedimento de reversão da vasectomia é chamado 
de vasovasostomia, consistente em uma cirurgia na qual 
as duas partes dos dutos deferentes separadas durante 
a vasectomia são novamente unidas, de modo a permitir 
o transporte de espermatozóides


                Entretanto, é preciso observar que o procedimento reverso, 
                ou seja, religar os canais, nem sempre é fácil de se conseguir
ou mesmo possível.

Uma cirurgia de vasectomia é realizada em cerca de 20 minutos
mas o procedimento de reversão pode levar de duas a quatro
horas, sendo necessárias pelo menos mais seis horas de inter-
nação antes a alta e, após, um dia inteiro de repouso, mas a 
completa recuperação leva cerca de um mês.

Uma das dificuldades encontradas para esta cirurgia é a obstru-
ção dos canais onde os espermatozóides se desenvolvem, cuja 
ocorrência é muito comum algum tempo após a vasectomia. 
Quanto mais obstruídos os canais, maior a área deles que precisa
ser removida.

Quanto menor o tempo decorrido desde a realização da vasectomia,
maiores a chances de sucesso  na reversão. Se o procedimento 
foi realizado em até 3 anos, a possibilidade voltar a obter esperma-
tozóides na ejaculação chega a 97%, com 76% de chance de gravidez. 
Após 14 anos da vasectomia as chances de gravidez são reduzidas 
para 31%.

Caso não se obtenha sucesso na reversão da vasectomia, o casal 
sempre pode optar por outros métodos mais avançados de reprodução 
assistida, com a fertilização in vitro, e outros, que são possíveis com 
a retirada de espermatozóides diretamente do testículo do homem.

Nenhum comentário:

Pesquise o assunto

Postagens Anteriores

Receba as postagens no seu e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

Qual assunto você gostaria de ler ?

Nome:
E-mail:
Assunto:
Mensagem: