23 julho 2013

REGRAS PARA DOAÇÃO DE ÓVULOS


1) A doação nunca terá caráter lucrativo ou comercial. Não se vende óvulos (nem espermatozóides); É proibido aqui no Brasil.

2) Os doadores não podem conhecer a identidade dos receptores e vice-versa. Será mantido o sigilo e o anonimato tanto da doadora como da receptora. A legislação não permite doação entre familiares;
3) As clinicas especializadas mantém de forma permanente um registro dos doadores, dados clínicos de caráter geral com às características fenotípicas (semelhança física), exames laboratoriais que comprovem sua saúde física e também uma amostra celular. A escolha de doadores toma por base a semelhança física, imunológica e a maior compatibilidade entre doador e receptor (tipo sangüíneo, etc.).
QUEM PODE DOAR ÓVULOS (DOADORA)
1) Menos do que 35 anos de idade;
2) Bom nível intelectual;
3) Histórico negativo de doenças genéticas transmissíveis;
4) Teste negativo para doenças infecciosas sexualmente transmissíveis (Hepatite, Sífilis, AIDS, etc.) e tipagem sangüínea compatível com a receptora.

O casal receptor deverá passar em consulta para receber as informações sobre as possíveis doadoras e preencher um questionário que muito irá contribuir para encontrarmos a parceria ideal. A doadora aceita fazer a doação de óvulos consciente e espontaneamente. Apesar do filho do casal receptor ter biologicamente a carga genética da doadora, é aceito pela mesma que o filho é do casal receptor. A doadora não tem nenhum direito sobre esta criança e não terá acesso às informações da mesma.

_________________________________________________________________
FABÍOLA PECE comenta: A comercialização de óvulos é proibida, porém a doação compartilhada não e nesse caso muitas mulheres conseguem se beneficiar em uma ajúda mútua.

Nenhum comentário:

Pesquise o assunto

Postagens Anteriores

Receba as postagens no seu e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

Qual assunto você gostaria de ler ?

Nome:
E-mail:
Assunto:
Mensagem: