05 fevereiro 2013

Bioética e o descarte de embriões


O dilema principal está em fazer valer o direito à vida, bem como seu início.
Com o surgimento da Bioética houve a necessidade de uma análise ética em virtude da evolução científica, no que se refere às ciências da vida. Diferentes teorias são apresentadas, que atribuem ou que negam a condição de pessoa humana (vida) ao embrião, variando o estágio no qual se dá como início da vida humana. Existe por exemplo divergência na opinião dos médicos em comparação a igreja católica com relação de qual o ponto no qual pode-se considerar o início da vida.
Hoje em dia o casal pode optar por doar a outro casal, ou doar para a ciência.

Isto é e será ainda por muito tempo um tema polêmico e delicado.

Veja as estatísticas

________________________________________________________________
FABÍOLA PECE comenta: É realmente um dilema interior , principalmente para quem  sabe e já vivenciou isto.
Como muitos já puderam ter a oportunidade de me escutar, sempre obtive muito retorno do tratamento e sendo assim, passei porisso: O que fazer com os congelados- descartar, doar a um casal ou a ciência ? Não tive coragem, pelo Conselho de Ética não podem ser descartados e eu não tive coragem de tomar nenhuma atitude.

Nenhum comentário:

Pesquise o assunto

Postagens Anteriores

Receba as postagens no seu e-mail

Ocorreu um erro neste gadget

Qual assunto você gostaria de ler ?

Nome:
E-mail:
Assunto:
Mensagem: